segunda-feira, 25 de maio de 2015

Chegamos em África!!!

Na última terça-feira, 19 de maio, nosso Coletivo Casa do Boneco- Quilombo D’oiti embarcou rumo ao intercâmbio cultural entre Brasil-Guiné Bissau, o projeto Ajeum Ajeumbó. A ação é de iniciativa de organizações das comunidades guineenses e brasileiras que trabalham com o turismo de base comunitária, artes manuais, tecnologia, comunicação, culinária, estética, música e dança visando empoderamento do povo preto brasileiro e africano.




Embarcamos às 22:00h no aeroporto de Salvador, fazendo uma conexão em Madri (Espanha) onde esperamos por 7 horas o vôo para a próxima conexão, em Casablanca (Marrocos). Após 4 horas embarcamos para Bissau, onde chegamos por volta das 03:00 da madrugada do dia 21 de maio. No Aeroporto Internacional Osvaldo Vieira fomos carinhosamente recebidos pelos nossos amigos guineenses, e seguimos para a casa de Dona Augusta, Ana, Arcádia, Mario, Lita, Arsilene e as crianças Marvin, Enzo e Jéssica, a família Gomes, na rua da Pesca, bairro do Enterramento, Bissau. 


                                          


Nossa família guineense, cujo primeiro contato foi no primeiro intercâmbio em 2013 nos acolheu em sua casa e contribuiu imensamente com a nossa estadia em Bissau. Fomos à feira de artesanato, ao mercado comprar mantimentos, visitamos também o Centro de Cultura do Brasil em Guiné Bissau. As ruas estão cheias de pessoas, com as mais variadas vestimentas, tecidos, cores, estampas no movimentado centro da capital guineense, também vemos muitas obras públicas acontecendo e a população se mostra satisfeita com o recente governo democrático do presidente José Mário Vaz (Jomav) do PAIGC (Partido Africano da Independência de Guiné Bissau e Cabo Verde).

  






Na sexta-feira, dia 22 tomamos o navio para a Ilha de Bubaque. Saímos do porto de Bissau por volta das 14:00h no horário local (que é três horas a mais que o Brasil) viajando por 5 horas no mar que banha o arquipélago Bolama-Bijagós, admirando as ilhas, fazendo amigos e tendo boas conversas. Chegamos em Bubaque por volta das 19:00h e fomos também muito bem recebidos logo no porto, onde um grande grupo de amigos nos aguardava, nos ajudaram com as bagagens e seguimos para o local da nossa estadia, casa que Dona Regina muito generosamente nos ofereceu de hospedagem no bairro de Buba.





Casa em que Dona Regina nos recebe, no bairro de Buba

Esses momentos iniciais são de muita expectativa, felicidade e ansiedade, seja para quem está vindo pela primeira vez ou para que já veio em 2013. Os próximos dias são de muitas atividades com as oficinas no Festival de Gastronomia das Ilhas Bijagós e toda a experiência de troca que estar em África possibilita aos nossos povos. Estamos juntos fortalecendo os laços para um vínculo permanente de irmandade, trabalho e comunhão!


Ilha de Bubaque, Guiné Bissau

25 de maio de 2015.

(Para ver mais imagens visite a página da Casa do Boneco no facebook)